Visita Técnica a Fábrica de Chocolate Araucária e ao Museu do Palácio do Governo

foto_araucariaFaz parte do programa de desenvolvimento e capacitação do Instituto IA3 oportunizar aos jovens atendidos pelo programa a chance de fazer algumas visitas técnicas e viagens culturais.

Neste conceito, no dia 29 de abril de 2012 os jovens participantes do programa Aprendiz na Empresa foram levados para fazer uma visita técnica á fábrica de Chocolates Araucária e ao Museu do Palácio do Governo (Palácio da Boa Vista). Nesta visita, os jovens puderam ver na prática os conceitos aprendidos no programa; o funcionamento de uma empresa,o controle de qualidade que vai desde a identificação dos problemas e como estes é solucionado, além do sistema de comunicação da empresa e a oportunidade de verificar que alguns conceitos aprendidos no programa podem ser utilizados tanto em uma empresa grande, multinacional como também em uma empresa de pequeno porte, regional.

Visando proporcionar diversidade e aprendizado em tudo que fazemos, o público foi constituído de jovens iniciantes no programa que participam do módulo inicial intitulado Desenvolvimento Humano, juntamente com jovens que já participam das oficinas técnicas onde alguns inclusive, já estão trabalhando nas empresas da região. Deste conjunto, foi possível, ampliar a visão deles, de proporcionar diversidade e instigar interação entre os jovens iniciantes e os mais experientes, criando assim, maior interesse e a permanência no programa.

Os jovens tiveram a chance de visitar o Museu do Chocolate desta fábrica e descobriram a importância da preservação da história seja de um núcleo familiar, de uma cidade ou de uma empresa. Eles conheceram um pouco da história do cacau e do chocolate, viram formas antigas de produção artesanal de chocolate que já não são mais utilizadas, além de conversar e trocar experiências com alguns funcionários.

Além da Visita Técnica tiveram a chance de visitar o Palácio do Governo (Palácio da Boa Vista). O Acervo deste museu é composto de obras brasileiras, datado do inicio do século XIX até final do século XX. É possível encontrar obras de Tarsila do Amaral, Di Cavalcante, Portinari, Brecheret, Vicente do Rego Monteiro, mobiliário brasileiro e europeu. A arquitetura do palácio por si só já justificava a visita, porém, nosso objetivo principal foi ampliar a percepção cultural do jovem, tendo a chance de apresentar a eles obras originais de grandes artistas, efeitos arquitetônicos diferenciados, além de porcelanas, tapeçarias diversas, para que eles pudessem ampliar o conceito do belo e da arte.

O trajeto até o Palácio apresenta uma arquitetura Europeia, fugindo do habitual conceito dos jovens sobre construção, já que estes vivem em comunidades carentes, vulneráveis. Belas construções e estilos não fazem parte do dia a dia destes jovens.A visita ao Palácio da Boa Vista atingiu a proposta que buscou apresentar aos jovens do IA3 a percepção de que estamos muito perto de obras de artistas brasileiros, e também como é importante à preservação desta cultura. A monitoria do palácio enriqueceu o aprendizado com atenciosa explicação sobre o palácio e todos os objetos que lá compõem a coleção.

Comentários dos jovens:

“Eu tive a oportunidade de colocar em prática um pouco do que aprendi no decorrer do curso e com isso consegui dialogar com uma pessoa que eu nunca tinha conversado antes, além de tudo aprendi um pouco sobre o cacau”. Leonardo Marcondes 

“Na visita ao Palácio do Governador, fiquei impressionada com o tamanho do local e como ainda está tudo preservado, além de conter objetos de várias partes do mundo”. Vitória Rodrigues

“O mais curioso da visita técnica foi o de ter conhecido a parte histórico cultural do chocolate através do espaço reservado pela fábrica que mostra a história do cacau e a evolução da produção do chocolate ao longo dos anos”. Adriano Chaves

“O que mais me chamou atenção na fábrica foi a organização na venda do chocolate, as pessoas iam comprar chocolate na loja da fábrica e podiam ter a oportunidade de conhecer a fábrica e saber um pouco sobre a história do chocolate”. Marcos Antonio

Acompanhe a visita através de nossas fotos

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.